Vídeo – Juventus 4 x 2 Milan pelo campeonato italiano 2008/2009

Sem Kaká e Gattuso, o Milan sofreu uma dura derrota contra Juventus no Estádio Olímpico de Turim. Del Piero abriu o placar para a dona de casa aos 15 minutos de jogo, cobrando o pênalti que ele mesmo sofreu de Maldini. O empate veio de pés brasileiros, aos 29 minutos, com Ronaldinho Gaúcho avançando pela esquerda e fazendo um bom cruzamento para Alexandre Pato definir à vontade.

No entanto, o zagueiro Chiellini botou a Juve na frente de novo, completando de cabeça a cobrança de escanteio. A figura do clássico foi outro brasileiro, Amauri, que jogou muito bem. Aos 40 minutos ele ampliou o placar para a Juventus, também de cabeça. O Milan encontrou o segundo gol aos 10 minutos do segundo tempo, com um chute de Ambrosini de fora da área que desviou em Chiellini pegando o goleiro no contrapé.

Porém, o Milan era superado pela Juventus no nível de jogo, e aos 19 minutos foi superado em número de jogadores também, quando Zambrotta fez uma dura falta e foi expulso. Amauri completou uma noite sonhada para ele e para a Juventus, marcando seu segundo gol da partida e o quarto da Velha Senhora, para o delírio da torcida local.

Assista os melhores lances de Juventus 4 x 2 Milan no vídeo abaixo.

Finalizada a 16ª rodada do campeonato italiano 2008/2009, o Inter de Milão continúa na liderança, agora com 39 pontos ganhos após a vitória de hoje de 4 a 2 em cima do Chievo. A Juventus, que estava empatada com o Milan na segunda posição, agora é vice-líder sozinha, com 33 pontos acumulados. O Milan caiu para a quarta colocação, mas está com os mesmos 30 pontos do Napoli, o terceiro colocado, que escalou na tabela com a vitória que conseguiu ontem contra o Lecce.


Technorati : , , , , , , , , , , , , , ,

2 Comentários em “Vídeo – Juventus 4 x 2 Milan pelo campeonato italiano 2008/2009”

  1. Acho bom o Dunga convocar o Amauri logo. Está jogando demais. E depois se naturaliza, e os brasileiros vão chorar…

  2. É, perder um jogador desses por burrice do técnico seria demais.

Leave a Reply