Vídeo – gols de Roma 2 x 2 Milan pelo Campeonato Italiano 2008/2009

Vucinic marcou os dois gols da Roma, enquanto um inspirado Alexandre Pato fez os dois do Milan. David Beackham novamente jogou uma partida discreta.

No primeiro tempo a equipe dona de casa foi bem melhor, e a única a exigir o goleiro rival. O Milan simplesmente não pôde vencer a defesa da Roma, que se fechou muito bem no primeiro tempo. Os atacantes do rossonero erraram muitos passes, além de fazer más escolhas na hora de passar a bola. A abertura do placar chegou aos 21 minutos, com gol de Vucinic, que dominou o cruzamento que veio da esquerda, se livrou de Jankulovki com um corte seco e definiu.

Aos três minutos do segundo tempo, Kaká fez uma boa jogada pela esquerda e cruzou para Pato que, sozinho, só teve que empurrar pro fundo da rede, marcando o 1 a 1. Ele mesmo fez o gol da virada, desta vez em jogada individual, deixando Mexes para atrás e definindo com categoria na saída do goleiro Doni. O Milan melhorou na segunda etapa, com Pato inspirado, Kaká e Ronaldinho participando, e Seedorf fazendo um grande trabalho no meio-campo.

A Roma se surpreendeu com o 2 a 1, e demorou para retomar o rumo. Julio Baptista jogou bem, com boas participações no ataque. Beckham fez muito pouco. Sua única contribuição no ataque foi chute de fora da área, que terminou fácil nas mão de Doni. Ele tentou vários cruzamentos, mas sempre saíram curtos. Era o mais forte candidato a deixar o campo, mas quem saiu para a entrada de Ambrosini, aos 25 minutos, foi o Ronaldinho Gaúcho. Uma substituição claramente equivocada, além de injusta.

O empate da Roma chegou no minuto seguinte, novamente marcado por Vucinic, com uma definição perfeita de cabeça, mandando a bola no canto mais longe do arqueiro Abbiati. Com um homem a menos para se preocupar na defesa, a Roma foi ao ataque em busca da vitória, e esteve a ponto de conseguí-la.

Assista os gols e os melhores lances de Roma 2 x 2 Milan no vídeo abaixo.

Vai saber o que Beckham estava aplaudindo. Ele não jogou nada bem, na verdade atrapalhou a equipe. Ele deveria ter saído ao invés do Ronaldinho, que sim estava ajudando o time. Isso me irrita muito, pois parece uma ordem vinda de cima para que o astro inglês fique em campo, independente do seu desempenho. Ele não fez nada para virar o jogo quando estava 1 a 0, e menos ainda para consegiur um 3 a 2. Acontece que um hipotético gol do Beckham daria mais repercussão na mídia que um do Gaúcho.

Outro problema com o inglês se viu em uma cobrança de falta no primeiro tempo, que o Ronaldinho Gaúcho bateu apressado para evitar que Beckham lhe “roubasse” a oportunidade. Desse jeito, a cobrança obviamente saiu mal.

A brincadeira com o astro inglês pode custar caro. O Milan está à 9 pontos do seu arqui-rival, o Inter de Milão, que lidera o campeonato com 43 pontos. A Juventus venceu o Siena e chegou aos 39, abrindo 5 de vantagem ao Milan. O rossonero é o terceiro colocado da tabela, mas tem apenas dois pontos a mais que a Fiorentina, que é a sexta colocada.

Se o time continuar sendo sacrificado pelo marketing hollywodense do Beckham, poderia ficar fora da próxima Liga dos Campeões. O Milan já ficou de fora da edição 2008/2009, e não pode permitir que isso se repita. Espero que o técnico Carlo Ancelotti não esteja com as mãos muito atadas…

Ah, a Roma está na 11ª posição, com 17 pontos ganhos.


Technorati : , , , , , , , , , , ,

2 Comentários em “Vídeo – gols de Roma 2 x 2 Milan pelo Campeonato Italiano 2008/2009”

  1. É muito bom ver Pato novamente no auge de sua forma. Porém, é péssimo enxergar semelhanças entre Milan e Chelsea.

    Beckham, pelo que já deu para perceber, vai ocupar o mesmo espaço preenchido por Deco nos Blues. O luso-brasileiro é um E.T. em Stamford Bridge, sendo que Felipão não encontrou lugar adequado para ele. O inglês poderia funcionar no lugar de Seedorf, embora o holandês tenha atuado bem. Afora isso, sem chance de sucesso.

    E pior: ambos podem ficar fora da UCL. Por mais que os discursos sejam voltados aos títulos, a verdade é que Aston Villa, Arsenal, Everton, Napoli, Genoa e Fiorentina representam perigo.

    Até mais!

  2. É incrível que sacrifiquem uma equipe da maneira que estão fazendo com o Milan. Eu simplesmente não suporto quando o futebol é condicionado por fatores que fogem ao esporte puro. E sendo torcedor do Milan, pior ainda.

    Sobre o caso do Chelsea, eu torço por todo brasileiro no exterior, ainda mais pelo Felipão, campeão com o Grêmio e salvador da seleção brasileira. Mas a insistência com Deco já passou dos limites. O luso-brasileiro não funciona no time. É uma verdadeira pena, mas parce que o Felipão simplesmente não sabe que rumo tomar.

    Tomara que estas situações mudem logo. Abraço Daniel.

Leave a Reply