Inter não Consegue Superar os Reservas do Grêmio – Copa Sul-americana 2008

Copa Sul-americana

Ontem à noite, Inter e Grêmio se viram as caras no Beira-Rio, desta vez pela Copa Sul-americana 2008.

O Inter jogou com o apoio da torcida colorada e com seus titulares, entre eles o argentino D’Alessandro, que fez a sua estreia. O Grêmio, que é líder do Brasileirão 2008, prefiriu poupar os titulares para os próximos jogos do campeonato nacional, e foi disputar o Grenal com os reservas.

O Inter teve maior posse de bola, como era de se esperar nessas circunstâncias. No entanto, a equipe local não foi tão spuerior como deveria ser ao jogar contra uma equipe de reservas. As opiniões que li são de que o Inter é uma equipe em constante tranformação, ainda não consolidada nem estável, e que faltou entrosamento entre os jogadores. Na verdade, o problema foi que o Inter jogou contra o Grêmio.

O jogo não foi vistoso, e os times não mostraram técnica, mas lutaram com toda a vontade, em cada jogada, como deve ser em um clássico. O Inter teve as melhores chances de marcar, mas vimos que o goleiro reserva do Tricolor, Marcelo Grohe, é excelente, e respondeu muito bem quando foi exigido. Ele não pegou o pênalti, mas também não dá pra exigir isso dele, ou de qualquer outro goleiro.

Um problema geral que eu vi no Grêmio, é que os jogadores fizeram muitas faltas desnecessárias. As vezes parecia que eles preferiam fazer a falta do que tentar melhorar a marcação, cobrindo melhor os espaços, tentando se antecipar à jogada, pressionado o adversário para forçar o erro ao invés de apelar para a brutalidade. Assim veio a falta em cima do Guiñazú, dentro da área, que terminou no gol do Inter. Foi por cobrir mal os espaços, não se antecipar à jogada e, finalmente, ter de fazer a falta pra não deixar o adversário cara-a-cara com o goleiro Marcelo. No final das contas, fazer a falta não serviu de muito.

Isso foi aos 13 minutos do segundo tempo. Pouco antes, aos 2 minutos, Reinaldo fez um gol para o Grêmio, com uma bela definição, mas a jogada não valia, pois ele estava impedido. Contudo, não demorou para o Tricolor empatar a partida. Aos 18 minutos da segunda etapa, Souza cruzou pra área, em uma cobrança de falta, e Léo definiu de cabeça, pro fundo da rede.

O resto do jogo se passou sem que muita coisa se passasse. A revanche será no Olímpico Monumental, valendo a classificação para as oitavas-de-final da competição (que garante uma vaga no Mundial de Clubes, não esqueçam!).

Jogo de volta
Grêmio x Internacional – data 28/08, hora 19:20

Nessa partida também não vai jogar o time titular do Grêmio, mas uma equipe de um das categorias de base. Talvez assim o Inter tenha alguma chance…

Atualização: Confira aqui como foi a revanche no Olímpico.

Confira a tabela e a lista de jogos, com datas, horários e resultados, da Copa Sul-americana 2008.


Technorati : , , , , ,

Um Comentário em “Inter não Consegue Superar os Reservas do Grêmio – Copa Sul-americana 2008”

  1. porque o gremio nao joga com o theco perea e souza no ataque quatro zagueiros na posiçao 433a contra o internasional

Leave a Reply