Grêmio vence o Aurora por 2 x 1 na Libertadores

Mais um jogo difícil na altura, desta vez em Cochabamba, 2560 metros acima do nível do mar. O Grêmio começou a partida tentando se defender dos ataques do Aurora, que precisava desesperadamente da vitória. Ficou claro que a defesa gremista não dá garantias. Marcamos mais com garra do que tática, e a linha de impedimento que a zaga sempre faz (será coisa do Roth?) nos deixa continuamente à um milímetro de levar um gol. Isso precisa ser corrigido já.

A boa é que temos um ataque mortal, que só precisa afinar a pontaria (urgentemente, diga-se de passagem). Antes dos 10 primeiros minutos de jogo Jonas já tinha explodido uma bola no travessão, e outra, em um chute cruzado de Souza, bateu na trave esquerda do arqueiro Dulcich. Às vezes falta sorte também, não só pontaria. O Aurora tentou incomodar, mas o Grêmio era que perdia uma chance de gol atrás da outra, igual que nos jogos anteriores. Aos 41 minutos, finalmente o gol gremista, marcado por Jonas.

A arbitragem já não era boa, e começou a piorar. Em cima da hora, Ruy levou um golpe de Méndez e caiu na área dos bolivianos. O árbitro não viu. O assistente estava contando os quadros da bandeira, pra ver se tinha o mesmo número de amarelos que de vermelhos.

O segundo tempo começou igual. O Grêmio perdia uma chance atrás da outra, e o Aurora pouco podia fazer. Então, um jogo tranquilo, que à essa altura deveria ser uma goleada de 4 ou 5 a 0 para o Grêmio, se complicou enormemente. Aos 8 minutos, atacavam 4 gremistas contra 2 bolivianos, mas Alex Mineiro quis definir de letra, e entregou a bola para o rival. Segundo depois, com um rápido contra-ataque, o Aurora empata o jogo.

Rapaz, jogar contra time ruim é foda, pela seguinte razão: quando se sentem cômodos (o que pode ser empatando em casa, mesmo precisando de uma vitória), fazem manha até enjoar. Tentam cavar falta sempre que um rival respirar perto, abusam fazendo tempo, reclamam com o árbitro de tudo, enrolam em toda jogada, ficam pensando que são muito bons mesmo sem estar realmente jogando bola, etc, etc e etc. Tudo isso, e mais, o Aurora fez depois de empatar.

Pra piorar, Jonas levou cartão vermelho direto aos 13 minutos, por uma suposta cotovelada em um rival que só o assistente viu. As imagens da tv não pegaram o lance direito, mas provavelmente o que aconteceu foi que o rival sentiu que Jonas encostou nele (não com o cotovelo) e se jogou no chão, exatamente como os bolivianos estavam fazendo desde o empate. O assistente não estava atento, e para “mostrar o contrário”, fez o Jonas ser expulso.

Mas o Grêmio não se conformou com o resultado. Mesmo em desvantagem numérica, jogando à 2560 metros acima do nível do mar, mesmo com o rival tentando levar o jogo na manha, tentando esfriar a partida com a ajuda dos gandulas, e debaixo de muita chuva, o Imortal Tricolor lutou, lutou, e lutou até conseguir a merecida vitória. Tcheco, aos 41 minutos do segundo tempo, liberou o grito de gol e toda a bronca da torcida tricolor, que sofreu tanto com esta partida. Pode apostar que todo o quateirão me escutou.

Sim, Dulcich levou um baita frango, e vão dizer que foi sorte o gol do Tcheco e a vitória. Que seja sorte de campeão, então. Só que quem teve mais sorte neste jogo foi o Aurora, que viu os atacantes do Grêmio disperdiçar um gol feito atrás do outro. Além disso, o Grêmio merceia a vitória. Mais do que isso, o Grêmio merecia um jogo fácil, uma goleada. Como chegaram os gols, é detalhe.

Pra mim, foi um bom jogo. Foi um jogo de “futebol arte pra gremista ver“. A mística do Grêmio se fez presente. Essa mística, essa alma Tricolor caprichosa, que tem vontade própria, que não gosta de vitórias fáceis, ou conseguidas só com a técnica, porque vencer uma batalha difícil é mais meritório. Claro que vencer fácil é mais simples (valha a redundância), mas vencer como Grêmio é muito melhor!

Devemos destacar, e parabenizar, a torcida gremista que foi ao estádio Félix Capriles. Mesmo em número bem inferior, o grito de alento ao Tricolor se fazia escutar com força.

Assista os gols de Aurora 1 x 2 Grêmio.

Confira a tabela da Copa Libertadores 2009.


Technorati : , , , , , , , , , , ,

Leave a Reply